Logo COF Joinville

Você está cansado de vivero nariz?

Conheça um tratamento moderno e eficaz de vacina para rinite em Joinville que pode melhor a sua vida. Cerca de 85% dos pacientes tratados com a vacina para rinite apresentam melhora significativa dos sintomas já no primeiro ano de tratamento.

Vacina para rinite joinville
Entenda os

Tipos de Rinite

A rinite é uma condição que acontece quando há uma inflamação que ocorre especificamente nas mucosas nasais, ou seja, um transtorno sintomático do nariz que sucede devido à exposição a alérgenos. O diagnóstico é feito clinicamente em consultório, e é baseado no histórico clínico do paciente, além do exame físico realizado.

ícone rinite aguda

Rinite aguda

A rinite aguda resulta em tosse, febre baixa, congestão nasal, rinorreia e espirros.

ícone rinite crônica

Rinite crônica

A forma grave da rinite alérgica, em que há inflamação das fossas nasais.

ícone rinite alérgica

Rinite alérgica

A reação alérgica é causada mediante exposição a substâncias alérgenas.

ícone rinite não alérgica

Rinite não alérgica

Não tem relação direta com substâncias alérgicas nem com o sistema imunológico.

A rinite sempre ataca e traz incômodo?

A imunoterapia pode trazer sua qualidade de vida de volta. Conheça a vacina para rinite sem injeção.

A rinite causa muitos

Sintomas desagradáveis

A rinite alérgica é causada por uma reação do sistema imune do nosso organismo a um fator ambiental e tende a causar diversos sintomas desagradáveis de problemas respiratórios para as pessoas.

ícone espirros constantes

Espirros seguidos

Espirros seguidos devido a poeira e ácaros.

ícone coceiras no nariz

Coceiras constantes

Coceiras constantes na região do nariz.

ícone nariz escorrendo

Nariz escorrendo

Nariz escorrendo e coriza a todo momento.

ícone nariz entupido

Nariz entupido

Nariz entupido e com dificuldade para respirar.

Saiba mais

O que é a imunoterapia

A imunoterapia é um tipo de tratamento que tem o objetivo de potencializar o sistema imunológico de maneira a que este possa combater infecções e outras doenças por si só.

Pessoa espirrando

A imunoterapia visa fortalecer o sistema imunológico do paciente. Também chamada de terapia biológica, combina um conjunto de práticas que busca tornar o organismo da pessoa mais capaz de combater enfermidades. A imunoterapia pode ocorrer de diversas maneiras, e cada uma delas funciona ou age de forma diferente no corpo da pessoa. Entretanto, todas as práticas visam ao fortalecimento do sistema imunológico da pessoa.

Veja também

Como funciona a imunoterapia

A imunoterapia é um tipo de tratamento que tem o objetivo de potencializar o sistema imunológico de maneira a que este possa combater infecções e outras doenças por si só.

Como é aplicada a imunoterapia?

A forma mais moderna é feita através de gotas sublinguais, tendo menos efeitos colaterais e eficácia semelhante à vacina subcutânea (injetável).

Como é planejada a imunoterapia?

A imunoterapia é personalizada individualmente, após a realização de um teste de alergia (Prick-Test ou Teste cutâneo-alérgico).

Qual a chance de melhorar fazendo imunoterapia?

Os estudos internacionais mostram que em torno de 85% das pessoas tem melhora nos sintomas da Rinite com a Imunoterapia.

Para quem é indicada a imunoterapia?

Praticamente todas as pessoas que tem Rinite Alérgica podem realizar a Imunoterapia. E até mesmo quem já realizou o procedimento no passado pode repetir.

Quais as contra-indicações da imunoterapia?

Geralmente não realizamos em crianças menores de 5 anos, gestantes, asma não controlada, doença cardíaca grave, donça auto-imune grave ou imunodeficiências.

A vacina também funciona para outras alergias?

Sim, a Imunoterapia costuma melhorar os quadros de dermatite atópica, conjuntivite alérgica e asma quando esses estão associados à rinite alérgica.

Sente desconforto com sua alergia?

A imunoterapia pode trazer sua qualidade de vida de volta. Conheça a vacina para rinite sem injeção.

Vantagens da imunoterapia

Vantagens da imunoterapia

A Imunoterapia é o único tratamento disponível capaz de modificar a história natural da doença alérgica. Isso significa que um esquema de Imunoterapia pode resultar em benefícios a longo prazo, que podem se estender além do tempo do tratamento. Muitos pacientes encontram alívio após três a seis meses de tratamento, mas o período final pode ser de até 2 anos.

Benefícios da imunotepira

Um dos principais benefícios da imunoterapia é justamente aumentar a imunidade do organismo para lutar contra vírus, bactérias, doenças autoimunes e até o câncer. No caso de alergias, há imunoterapias específicas para cada tipo de alérgeno. Veja os benefícios da imunoterapia para o tratamento de alergias. 

Benefícios da imunoterapia joinville
Como as vacinas

Combatem as alergias

A administração da vacina deve ser individualizada para cada paciente. A escolha do alérgeno deve ser feita mediante a identificação de anticorpos IgE específicos, através de testes alergológicos.

Pessoa alérgica
Pessoa assoando o nariz por alergia
O único tratamento para alergia que é potencialmente curador da rinite é a imunoterapia. Doenças como dermatite atópica asma, rinite, bronquite, alergia a picada de mosquitos e insetos, de causa alérgica, têm tratamento com vacina para alergia de aplicação oral gotas sublingual. A imunoterapia essensibilizante, (vacina de alergia) específica, quando prescrita por médico alergista, conduz o organismo a ficar em equilíbrio corporal, com produção de células imunitárias reguladoras, assim como, a produção dos chamados anticorpos bloqueadores da classe igg4. Dessa forma, a médio e longo prazo, o corpo fica mais fortalecido, menos suscetível a infecções e com diminuição do aparecimento de doenças respiratórias e de pele.

Acabe com o desconforto da rinite

A imunoterapia pode trazer sua qualidade de vida de volta. Conheça a vacina sem injeção para Rinite.

Conheça as principais

Dúvidas sobre imunoterapia

Para as pessoas alérgicas, a Imunoterapia pode ser uma opção de tratamento. Se você tem dúvidas sobre o procedimento, confira algumas das perguntas mais comuns sobre imunoterapia em Joinville.

O que Imunoterapia?

A imunoterapia com alérgenos, também chamada de vacina para alergia, é uma forma de tratamento utilizada há mais de 50 anos com o objetivo de diminuir a sensibilidade de pessoas que se tornaram alérgicas a determinadas substâncias. O tratamento consiste na aplicação de alérgeno ao qual o paciente é sensível em doses crescentes por um período de tempo que é variável ( 1 a 3 anos). A imunoterapia induz uma série de alterações na resposta imune que estão associadas à melhora clínica.

Qual o objetivo da Imunoterapia?

A imunoterapia procura reduzir o grau de sensibilização (nível de anticorpos IgE e da reação nos tecidos) impedindo reações alérgicas imediatas graves – como a anafilaxia – e, também, interferir na inflamação característica das condições alérgicas de longa evolução observadas na rinite alérgica e na asma brônquica.

A vacina para rinite é eficaz?

Atualmente é considerado o Único Tratamento para Alergia que é Potencialmente Curador segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), ou seja, não é um tratamento só para os sintomas, mas sim para a alergia em si. A imunoterapia é o único tratamento capaz de afetar o curso natural de doenças alérgicas como rinite, sinusite e asma. Não é uma cura, mas um modo de controle dos sintomas por tempo prolongado. Do mesmo modo, é um tratamento com elevada taxa de eficácia, pois age diretamente na causa da doença e o seu efeito mantém-se durante vários anos.Além disso, cerca de 85% dos pacientes tratados com a vacina para rinite apresentam melhora significativa dos sintomas já no primeiro ano de tratamento. Assim, com a imunização em dia, o paciente pode ir deixando de usar os medicamentos antialérgicos gradativamente, até se obter uma vida normal.

Quanto tempo leva para que as vacinas de rinite funcionem?

Alguns pacientes notarão uma melhora precoce dos sintomas dentro de várias semanas durante a fase de desenvolvimento, mas pode levar de 6 a 12 meses na dose de manutenção para observar uma melhora significativa.

Quando a imunoterapia pode ser indicada?

A imunoterapia pode ser indicada para pessoas sensíveis aos ácaros da poeira doméstica, pólens, fungos e venenos de insetos (abelhas, vespas, marimbondos e formigas). De modo geral, a sensibilização a estes alérgenos está associada a manifestações respiratórias (rinite e asma) e a reações graves, como a anafilaxia por picada de insetos. Não existe indicação de imunoterapia para alergia a alimentos e para os quadros de alergia por contato.

Quais os benefícios da Imunoterapia?

A modificação da resposta imune do paciente alérgico é o ponto de capital interesse da imunoterapia. Muitos estudos demonstram a eficácia da imunoterapia com alérgenos na rinite, na asma e nos quadros de alergia a veneno de insetos. As vacinas para alergia provocam diminuição dos sintomas de rinite e asma, com melhora perceptível na qualidade de vida da pessoa alérgica. Em pacientes com rinite existem estudos demonstrando que a imunoterapia pode prevenir o surgimento de sensibilização para outros alérgenos e também impedir a evolução de rinite para asma. O emprego de imunoterapia com veneno de insetos é muito eficaz em bloquear a reatividade do alérgico, provocando o desaparecimento da sensibilização alérgica.

Quem não deve fazer o tratamento?

O tratamento não deve ser realizado em pessoas com asma dependente de corticoides, dermatite atópica grave, grávidas, crianças com menos de 2 anos e idosos.

Além disso, a imunoterapia específica também não é recomendada para pessoas com doenças auto-imunes, distúrbios psíquicos graves, que usam betabloqueadores adrenérgicos, com doença alérgica não mediada por IgE e condições de risco para o uso de epinefrina.

© Copyright 2023 COF Joinville.Todos os direitos reservados.